Pessoas e Carreiras

Trabalhar na Funarbe é fazer parte de uma história pautada na ética e transparência, na busca pela excelência e na oferta de produtos e serviços de qualidade. Acreditamos que investir em nossos colaboradores é trazer ainda mais qualidade aos nossos negócios.

Venha ser parte dessa história!

 

As informações estarão disponíveis a partir do dia 1o de março.

 

·         Sistema de informações demonstrativo Imposto de Renda

Aqui você encontra os procedimentos para contratação de estagiários na Funarbe:

  1. Após preencher o formulário de solicitação de estágio deverá encaminhá-lo como arquivo anexo para o email do gestor do convênio.
  2. A Funarbe verificará os dados que constam no pedido e, estando corretos, encaminhará o Termo de Compromisso de Estágio preenchido para o mesmo email de origem do pedido para que sejam recolhidas as assinaturas.
  3. Em nenhuma hipótese, a data de início do estágio poderá ser anterior à data de inclusão do estagiário no seguro contra acidentes pessoais. O período de duração de estágio não poderá ultrapassar 2 (dois) anos, salvo se o estagiário for portador de deficiência. Para a contagem do referido período de duração do estágio considera-se a relação entre o estagiário e a Funarbe independentemente do projeto no qual este teria sido contratado.
  4. Estágio é ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa ao aprendizado de competências próprias da atividade profissional e à contextualização curricular. É condição sine qua non para a caracterização do estágio a adequação das atividades exercidas à área de estudos do estagiário.
  5. O estágio poderá ser obrigatório ou não-obrigatório. Estágio obrigatório é aquele definido como tal no projeto do curso, cuja carga horária é requisito para aprovação e obtenção de diploma. Estágio não-obrigatório é aquele desenvolvido como atividade opcional, acrescida à carga horária regular e obrigatória. As atividades de extensão, de monitorias e de iniciação científica na educação superior, desenvolvidas pelo estudante, somente poderão ser equiparadas ao estágio em caso de previsão no projeto pedagógico do curso.
  6. Em se tratando de estágio na modalidade “obrigatório”, o estudante deverá enviar o comprovante de matrícula na disciplina denominada “estágio supervisionado”, anexado ao Termo de Compromisso de Estágio.
  7. A jornada de estágio não poderá ultrapassar 6 (seis) horas diárias e 30 (trinta) horas semanais, no caso de estudantes do ensino superior, da educação profissional de nível médio e do ensino médio regular.
  8. O coordenador do Convênio deverá assegurar o gozo do período de recesso (férias) estabelecido no Termo de Compromisso de Estágio dentro do período de realização do estágio.
  9. A cada 6 (seis) meses, o estagiário deverá preparar um relatório de atividades, em 3 (três) vias, as quais serão assinadas pelo Supervisor e pelo Professor Orientador do Estágio e entregue à Instituição de Ensino e à Funarbe para arquivamento, sob pena de suspensão da bolsa-auxílio.
  10. O estágio não poderá ser concedido quando houver relação de parentesco do estudante com o supervisor do estágio ou com o coordenador do convênio, assim entendidos: cônjuges, companheiros ou parentes em linha reta, colateral ou por afinidade, até terceiro grau. A previsão legal está na Súmula Vinculante nº 13/2008 e no art. 12, II, da Resolução nº 08/2012 do CONSU/UFV.

Arquivos para download: